5 perguntas e respostas sobre escritório virtual


Elimine agora suas dúvidas sobre o tipo de serviço que vem conquistando cada vez mais pequenas empresas e profissionais liberais

É fato que, cada vez mais, o ambiente tradicional de trabalho tem dado abertura para espaços mais flexíveis. Seja por redução de custos, aumento de produtividade, flexibilidade ou até mesmo falta de mobilidade, serviços de coworking e escritórios virtuais tem mudado a forma de relacionamento entre trabalhadores móveis e pequenos empresários. Ainda está em dúvida se a modalidade é para você? Confira a seleção de perguntas e respostas que preparamos!

O que significa escritório virtual?
O termo virtual office, ou escritório virtual, foi popularizado nos EUA e Europa, enfatizando que a infraestrutura encontra-se “fora” da empresa que a utiliza. Isso significa que você pode desfrutar de todas as facilidades de um grande escritório sem ter que gerenciá-las, estando livre para recorrer aos recursos de recepção, secretária, salas de reuniões, telefone e internet, apenas quando – e se – precisar. Diferentemente do escritório convencional, você não precisa arcar com os custos de montagem de estrutura e manutenção e funcionários, o que pode significar uma economia de até 80%.

Quem pode contratar os serviços de um escritório virtual?
Associações, cooperativas, sindicatos, profissionais liberais, representantes comerciais e pequenas empresas. Ou seja, pessoas jurídicas, que possuam CNPJ e até mesmo pessoas físicas.

O escritório virtual cuidará da parte burocrática da minha empresa/serviço?
Não. Os escritórios virtuais prestam somente os serviços pertinentes a rotinas de escritório, e não aqueles de ordem burocrática ou legal encontrados em advocacias e contabilidades, como abertura de empresas, por exemplo.

Quais serviços o escritório virtual me oferece?
• Número de telefone exclusivo com atendimento personalizado aos clientes
• Gestão de correspondências
• Recepcionista e secretária
• Endereço fiscal e comercial
• Salas de reunião para locação por hora ou período

Qual a diferença entre escritório virtual e coworking?
Ambas as modalidades oferecem vantagens para quem deseja iniciar ou ampliar um negócio, mas que não possui condições ou intenção de investir. A diferença básica reside no fato de alguns escritórios virtuais oferecerem, além dos serviços acima mencionados, a disponibilidade de uso de estações de trabalho para coworking: assim, o cliente, ao invés de trabalhar em regime home office, ele passa a utilizar o escritório virtual como seu escritório físico, por um dado período de horas, conforme contratado.

Ainda tem dúvidas? Entre em contato com a A&F, seu escritório virtual em Atibaia.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − treze =